siga-nos no facebook >

canallondres

bairro de shoreditch – um passeio com carol aquino

arte, design, tendências

Para entender o que o bairro de Shoreditch significa para Londres, basta você fazer o seguinte exercício lógico; se Londres é uma cidade que lança tendências para o mundo, nas áreas arte, da música, da moda e do design, Shoreditch é o bairro que lança tendências na capital inglesa. E para conhecer este bairro muito especial, nada melhor que alguém que, além de trabalhar com tendências de consumo, mora no coração de Shoreditch.

carol aquino em shoreditch

Carol Aquino

Descubra mais:

Um passeio guiado pelos mercados do leste de Londres com Carol Aquino

Nossa guia no bairro de Shoreditch

Carol Aquino é carioca e está morando pela segunda vez em Londres. No intervalo entre as duas etapas, ela viveu em Barcelona. Formada em economia, ela tem mestrado em Políticas Públicas e outro em Jornalismo de Moda. Entre outros interesses, ela é apaixonada por moda, arte, design, música e política.

carol aquino

Carol Aquino

Ela conseguiu juntar todos estes interesses trabalhando com tendências de consumo. E o que você vai ver ao acompanhá-la em muito a ver com este caldeirão de interesses: tudo é sem fronteiras, sem essa história de cada um no seu quadrado. Todos os quadrados interagem e você pode trafegar entre eles, sem barreiras. É isso que caracteriza o bairro de Shoreditch.

carol aquino

Um pouco de história

Shoreditch tem uma longa história antes de tornar-se um dos lugares da moda em Londres. Na Era Vitoriana, era um bairro pobre, o equivalente ao que no Brasil é uma favela. Durante muito tempo, foi um lugar que atraia imigrantes. A grande virada começou a acontecer em meados dos anos 90. Os seus muitos galpões abandonados começaram a ser ocupados por artistas e profissionais ligados ao universo da arte, moda, comunicação e design.

grafite em shoreditch

Foram surgindo escritórios de arquitetura, grifes de moda, agências de publicidade e a paisagem mudou. Não apenas a paisagem, Shoreditch virou moda e se tornou uma área valorizada. Para isso, também contribuiu a sua localização. como exemplo, basta dizer que a City of London, o coração financeiro da cidade fica bem ao lado.

shoreditch londres

O primeiro exemplo dessa concepção de um mundo que foge dos padrões habituais, onde o estático e demarcado é a regra, está no local onde o passeio pelo bairro de Shoreditch começa. O Cafe the White Rabbit é um café como outro qualquer só para quem o vê de fora. Quando você passa da entrada percebe que, mais para dentro, ele também é um estúdio.

obra de demina hurst

E assim acontece em diversos lugares ao longo do passeio. Um restaurante com uma obra do consagrado Damien Hirst, onde também tem uma galeria de arte; um clube noturno onde também funcionam estúdios, uma floricultura que esconde a entrada de um restaurante. Isso é Shoreditch.

passeio em shoreditch

Carol Aquino

Mas Shoreditch também é uma galeria de arte a céu aberto. Seus muros e paredes são as telas onde artistas de rua do mundo inteiro deixam suas assinaturas. Do desconhecido ao ao famoso e invisível artista britânico Banksy, há muito grafite para se apreciar nas ruas de Shoreditch. Tanto que virou rotina passeios de grupos organizados só para conhecer a “street art” se faz ali. Isso também é Shoreditch.

boxpark shoreditch

Carol Aquino

O nosso passeio pelo bairro de Shoreditch caminha para o seu final. E como tudo ali está em constante processo de mudança, Carol escolheu o lugar perfeito para se despedir de você: o Boxpark, um complexo de containers transformados em lojas pop-ups que são uma espécie de laboratórios de tendências. Tem de tudo com uma coisa em comum: o bom gosto. As lojas funcionam de 3 a 1 ano e são vitrines para trabalhos de novos artistas, designers, estilistas. Ali, o amanhã é sempre diferente do hoje, que é diferente do ontem. como é este bairro que é único, localizado no leste de Londres e que atende pelo singular nome de Shoreditch.

crece pelo