bari
capital da apúlia

Bari, a bela capital da Apúlia, província no sul da Itália, tem uma localização privilegiada: fica às margens do mar Adriático. A cidade é um convite irresistível para o turista que viaja em busca de beleza, tradição e boa culinária.

Para provar que não estamos exagerando, Denise Neves, que conhece muito bem a cidade, mostra, no vídeo acima, algumas razões para você incluir Bari no seu roteiro de viagem pela Itália.

conhecendo bari

Denise Neves

Descubra mais:

Um passeio por Trastevere, um lugar muito especial em Roma

A capital da Apúlia no mapa da Itália

Como você sabe, o mapa da Itália tem o formato de uma bota. Por isso, seguindo a dica que Denise deixa logo no início do vídeo, localizar a capital da Apúlia é muito fácil: ela está situada no que seria o salto da bota. Na mesma latitude se encontra a única cidade maior que Bari, no sul do país: Nápolis. No lado oposto, do outro lado do Adriático, fica a Croácia.

bari

Origens da cidade

Como acontece com muitas cidades antigas do Velho Continente, as origens de Bari não são conhecidas. O que se sabe é que os romanos chegaram lá na era pré-cristã e dominaram a região. Com uma posição estratégica importante, muitos povos invadiram Bari ao longo da história. É por isso que quem caminha ao longo da sua muralha vai perceber que ela foi construída para defender a cidade de invasores. Aliás, uma das atrações ali é o Castelo de Bari, construído no ano 1100, durante o domínio normando.

forte de bari

Vocação para a pesca

Economicamente, a pesca tem um lugar importante na vida da cidade. Basta ver a quantidade de barcos pesqueiros ancorados ao longo do Adriático para perceber que peixe ali é alimento e fonte de renda. Isso, claro, tem efeitos diretos na culinária barese. Aliás, eles gostam tanto de peixe que ele também é consumido “crudo”.

bari velha

A cidade velha de Bari

Bari tem um lado moderno, com arquiteturas do século XIX e do século XX. Parte dessa arquitetura mais recente é legado do período em que os fascistas governaram o país. Mas quem visita a cidade não pode deixar de fazer um passeio pela “Bari Vecchia”. Ali, você vai andar por ruas estreitas, perceber alguns costumes locais, como pendurar roupas em varais na varanda, e claro, apreciar a arquitetura medieval que foi preservada.

igreja são nicolau bari

A Basílica de São Nicolau

Erguida no século XII, em estilo romanesco, a Basílica de São Nicolau é um dos mais importantes patrimônios arquitetônicos de Bari. O interessante é que, olhando de fora, não dá para imaginar o que espera o visitante no interior da igreja. Só a beleza do teto dourado já é de encher os olhos. Lá dentro também é possível visitar o túmulo de São Nicolau. Anualmente, peregrinos de todas as partes da Europa vão à capital da Apúlia prestar homenagem a São Nicolau.

mar adriático bari

Ainda não está convencido do quanto vale a pena conhecer a Bari? A nossa sugestão é simples: dê um “play” no vídeo acima, acompanhe Denise Neves neste breve passeio pela cidade e veja o que você tem a ganhar em uma viagem a uma das mais belas cidades do sul da Itália. E, com Bari, você pode ganhar uma série de pequenos vilarejos que ficam na região. Alguns deles são listados por Denise no final do passeio.

A sua opinião é muito bem-vinda. Deixe um comentário

receba nossa newsletter
somos uma tv online
feita por brasileiros
em Londres e estamos
construindo um arquivo
inédito sobre a diáspora
brasileira na Europa.

info@canallondres.tv