conexão berlim-londres

Em visita a Londres, Vivi Anne, residente em Berlim, é a nossa protagonista no vídeo acima. A conversa aconteceu nos jardins do Imperial War Museum. Durante o curto passeio, você vai descobrir alguns fatos interessantes sobre a cidade onde ela mora e o impacto que a mudança, de São Paulo para a capital alemã, causou na vida de Vivi Anne.

Ao contrário da maioria dos compatriotas, que deixam o país para aprender o inglês, a paixão de Vivi Anne era a língua alemã. Não é uma língua fácil de ser aprendida, especialmente sem o convívio cotidiano. Este foi um dos principais motivos que a levariam a viver em Berlim. Chegando lá, percebeu que, mais que aprender a língua, a cidade era o lugar onde queria viver.

Vivi Anne no Jardim do Imperial War Museum

Vivi Anne

Embora as línguas sejam completamente diferentes, pelo relato de Vivi, você vai perceber que começar uma vida de imigrante lá e em Londres tem suas semelhanças. Isso fica mais evidente quando o assunto é trabalho. Sem um domínio da língua, o caminho para começar a integrar-se à vida em ambas as cidades é conseguir trabalhos em áreas que não exigem especialização. A exceção, como ela destaca, são os profissionais de tecnologia, onde o domínio do inglês técnico pode ser suficiente para se conseguir um emprego na área.

Imperial War Museum

Politicamente ativa

Paralelo ao trabalho que faz para pagar as contas, Vivi tem uma vida ligada a movimentos políticos. O trabalho dela está ligado à conquista de espaçøs e mais respeito para as chamadas minorias. Anualmente, ela participa da organização da Parada Política, que acontece em paralelo à Parada Gay de Berlim. Também continua a sua vida como estudante, fazendo uma pós-graudação na área de sociologia.

Jardim do Imperial War Museum

Claro, a gente não poderia deixar de aproveitar e fazer uma visita ao interior do Imperial War Museum. Para Vivi Anne, no entanto, a surpresa estava do lado de fora: um pedaço do Muro de Berlim, exposto em uma das laterais que dão acesso ao museu. Quem vive na Europa sabe o quanto as memórias das guerras são parte da história do Velho Continente. Um pedaço do muro de Berlim em Londres é uma lembrança do quanto a guerra afeta a todos. Por isso, é algo que os europeus fazem questão de não esquecer.

Imperial War Museum

Recentemente, Vivi Anne passou a integrar a equipe de correspondentes da Radio RBG. Este também é um dos motivos da sua visita `a cidade, já que é na capital londrina que o projeto está baseado. Para quem ainda não conhece, acompanhá-la no vídeo acima, não deixa de ser uma forma de fazer uma visita à capital inglesa.

A sua opinião é muito bem-vinda. Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of

receba nossa newsletter
somos uma tv online
feita por brasileiros
em Londres e estamos
construindo um arquivo
inédito sobre a diáspora
brasileira na Europa.

info@canallondres.tv