capital da inglaterra
a mais visitada do mundo

Segundo dados oficiais, no final de 2016, Londres, a capital da Inglaterra, quebrou um recorde histórico: pela primeira vez, mais de 19 milhões de visitantes viajaram para capital inglesa. Segundo o Global Destination Cities Index, a cidade fundada pelos romanos, no início do primeiro milênio, é a segunda mais visitada do mundo.

Ela perde apenas para Bangkok, com mais de 21 milhões. Contando apenas os turistas, Londres é a mais visitada do mundo, uma vez que grande parte dos visitantes de Bangkok são, na verdade, tailandeses que vão a trabalho e pernoitam na cidade. Mas quais o fatores que concorrem para este crescimento do turismo londrino?

big ben

Big Bn

Descubra mais:

Dezenas de vídeos para você que quer saber mais sobre Londres

Reserve um passeio personalizado, com guia brasileiro, em Londres

Capital da Inglaterra – estratégia bem sucedida e Brexit

Bem, para quem não acredita que os Jogos Olímpicos podem trazer resultados de médio e longo prazo, Londres 2012 é uma boa referência para se repensar essa ideia. Quando a estratégia para a realização das olimpíadas na cidade foi traçada, o aumento do número de visitantes era parte central do plano. Uma prova é um documento que recebemos, bem antes dos jogos, do Visit London.

paddington basin

Paddington BasinEm 2016 também aconteceu a decisão quanto à saída do Reino Unido da União Europeia, no movimento que ficou conhecido como Brexit, e uma das consequências dessa decisão foi a queda da libra. Isso, claro, também ajuda o turismo na capital inglesa. Mas será que estes dois fatores explicam tudo? Não.

museu victoria & albert

Museu Victoria & Albert

Uma cidade que faz você se sentir em casa

Muita coisa diferencia uma cidade cosmopolita de uma cidade provinciana. O tamanho, a composição da população, as conexões com o exterior. Mas há algo que é fundamental para que uma cidade seja realmente chamada de cosmopolita: fazer com quem é de fora se sinta em casa.

Londres é uma cidade tão diversa, com aproximadamente 3 centenas de línguas sendo usadas diariamente na comunicação dos seus habitantes, que é difícil sentir-se estrangeiro na cidade. Esse conforto causa um impacto muito positivo no turista que vem à cidade. De certa forma, é esse cosmopolitismo que tornou a capital da Inglaterra uma cidade-símbolo do terceiro milênio.

westminster

City of Westminster

O tradicional e antigo sem recusar o novo

Esta é outra característica que faz da capital inglesa uma cidade tão especial e que contribui para o crescimento do turismo na cidade. O turista que curte tudo o que está ligado à tradicional cultura britânica, não vai se decepcionar. A arquitetura, os cerimoniais da realeza, hábitos e costumes, como o ‘traditional afternoon tea’, mostram exemplos de a tradição é mantida.

grafite em shoreditch londres

Arte de Rua em Shoreditch

Por outro lado, o moderno e o novo encontram muito espaço na cidade. Basta um passeio por Shoreditch, para se ter um exemplo de como a cidade é especialista em lançar tendências. Uma comparação ainda mais evidente: bem em frente ao Big Ben, o principal cartão postal da cidade, fica a London Eye, inaugurada em 2000, como parte da celebração do novo milênio. Ligando a Tate Modern e a St Paul Cathedral, está a moderna ponte de pedestres, Millennium Bridge.

london eye e big ben

London Eye & Big Ben

Turismo em Londres – variedade de atrações

Visitar a capital da Inglaterra também significa ter à disposição um belíssimo cardápio de coisas para fazer na cidade. Entre os destaques, uma impressionante variedade de museus, a maioria com entrada grátis; um sem número de belíssimos parques, como destaque para os chamados “Royal Parks”, como o Hyde, Regent’s, Richmond e Greenwich Parks; pubs centenários ou mais modernos, para você escolher de acordo com o seu estilo; mercados de rua como Camden, Portobello e Borough Market, entres tantos outros; ruas com lojas que fazem a festa de quem adora fazer compras, como a charmosa Carnaby Street. Curte teatro? O Soho londrino é conhecido como “teatrolândia”, tantas são as opções de teatro na região.

sky gardens

Sky Gardens – City of London

Para quem quer fazer um passeio pela história da cidade, a City of London, ainda guarda as marcas deixadas pelos romanos, fundadores da cidade. E há todas as atrações ligadas à família real, como Buckingham Palace, St James e Kensington, por exemplo.

E não precisa ter nenhum espírito religioso para saber o quão importante são as igrejas londrinas. Você tem as mais famosas, como a Westminster Abbey e a St Paul Cathedral, mas também existem muitas outras igrejas históricas que merecem ser conhecidas. Entre elas, vale a pena uma visita à igreja dos Templários, que é cenário do filme “O Código Da Vinci”.

bike em londres

Bicicletas em Londres

Transporte público que funciona

É uma das coisas mais óbvias: uma cidade que quer atrair visitantes, precisa oferecer um transporte público que funcione. Isso acontece com a capital inglesa. Você tem o metrô, o trem de superfície, o ônibus, o barco, a bicicleta, cada vez mais usada, e o táxi.

Sem esquecer que a cidade tem dois meios de transportes que também são cartões postais londrinos; o famoso ônibus de dois andares, o ‘double decker’ e o ‘black cab’, o táxi preto. E tudo funciona de uma forma integrada. Muita gente diz que o transporte na cidade é caro, mas há alternativas, como a bike pública.

black cab

Tradicional Black Cab

Outra vantagem é que é uma cidade muito fácil de se locomover a pé. Nas áreas mais turísticas, você não encontrar grande subidas descidas entre uma atração outra. As calçadas são planas e bem preservadas. Uma boa dica é, sempre que possível, usar mais o ônibus que o metrô, porque nos deslocamentos você pode apreciar a cidade e ir se familiarizando com a geografia.

igreja dos templários em londres

Igreja dos Templários

Vida noturna, Londres viva

Durante muito tempo se alimentou o mito de que a cidade era mais apropriado para programas diurnos. Por duas razões: os pubs fechavam às 23h e o metrô só ficava aberto até às 23:30. Se essa percepção já era falsa no passado, hoje é ainda mais. Quem fica até mais tarde no centro da cidade percebe o quanto ela é viva à noite. Principalmente se estamos falando de áreas como Leicester Square, Piccadilly, Soho.

londres à noite

Londres à noite

Camden Town e Shoreditch são outros dois exemplos de lugares onde a noite na capital da Inglaterra acontece. São muitos os clubes que ficam abertos até às 3 da manhã. Sem contar que a cidade é linda para passear durante a noite.

Outro fato que tem ajudado a deixar a percepção de cidade sem vida noturna definitivamente no passado: já existem linhas de metrô circulando 24 horas por dia. E tem também o famoso “night bus” sempre ali para ajudar que vai até mais tarde.

kew gardens

Kew Gardens

Atrações dentro e fora do centro

Para quem vem a Londres por apenas 4 ou 5 dias, o tempo será quase todo consumido para ver as atrações nas partes mais centrais da cidade, claro. Mas uma das características da cidade é que o turismo em Londres também acontece fora do centro.

Lugares como Greenwich, Hampton Court e Kew Gardens, são apenas 3 grandes exemplos de lugares que valem a pena uma visita. A cidade também é o ponto de partida para lugares e cidades mais visitadas do país: Bath, Oxford, Cambridge, Leeds Castle e Windsor Castle estão todos muito muito próximos de Londres.

oxford

Oxford

Fácil de chegar pela terra e pelo ar

Londres tem 5 aeroportos servindo a cidade: Heathrow, o maior deles, Gatwick, Stansted, Luton e City Airport, o menor e mais próximo do centro. Todos eles são muito bem servidos por linhas de trem, metrô e ônibus ligando ao centro e principais estações da cidade. Para quem vem do Continente Europeu também tem a opção do Eurostar, vindo de Paris ou Bruxelas, mas existem linhas de ônibus servindo entre Londres e várias capitais europeias.

londres moderna

City of London

Bem vindo à capital da Inglaterra

Não importa de onde você vem, por quantos dias você vai ficar, se você é um viajante experiente ou marinheiro de primeira viagem, se você vem por terra ou de avião, o mais importante é saber que existe uma cidade como Londres para você conhecer. E que você, como turista, vai se sentir em casa, porque é isso, acima de tudo, o que faz a capital da Inglaterra ser tão especial.

A sua opinião é muito bem-vinda. Deixe um comentário

receba nossa newsletter
somos uma tv online
feita por brasileiros
em Londres e estamos
construindo um arquivo
inédito sobre a diáspora
brasileira na Europa.

info@canallondres.tv