curso com a dra virgínia suassuna
como falar: ele não te ouve

uma oportunidade para pais brasileiros na capital londrina

como falar: ele não te ouve

Virgínia Suassuna

No dia 30 de janeiro, a Dra Virginia Suassuna dará, na capital inglesa, o curso “COMO FALAR: ELE NÃO TE OUVE?”, uma proposta que tem como objetivo, mostrar como diálogo entre pais e filhos, é o alicerce familiar.

Serão comparadas as formas adequadas e inadequadas de se estabelecer um diálogo, visando o uso de palavras de expressões que constroem positivamente a auto-estima da criança, assim como o desenvolvimento de um clima de respeito e entendimento no contexto familiar, por meio de propostas de mudança de comportamento.

Entrevistamos a Dra Virgínia para saber mais sobre o curso.

1 – CL: O que você pretende com o curso?

Dra. Virginia Suassuna:

– Esse curso pretende ajudar os pais e responsáveis que enfrentam problemas diários com seus filhos. Entre eles tem como ajudar a desenvolver a empatia para as emoções negativas vividas pelas crianças. Sentimentos como raiva, medo, tristeza, choro são geralmente ignorados, negados ou reprimidos. A proposta é apresentar soluções para acolher essas emoções, reconhecendo-as e reconduzindo-as como reagir por exemplo quando a criança afirma: “Mãe te odeio. Mãe você é muito má!?” Essa solução será discutida no curso.

2 – CL: Qual a importância do tema?

Dra. Virginia Suassuna:

– Essa proposta de “como falar para seu filho ouvir e como ouvir para seu filho falar” tem como objetivo mostrar o quanto importante é resgatar valores humanos básicos como respeito, amor, limites, compreensão, cooperação, autonomia, empatia, honestidade, iniciativa e perseverança.

3 – CL: Qual sua formação profissional?

Dra. Virginia Suassuna:

– Sou Psicóloga formada pela USP (S.P), Doutora em Ciências da Saúde pela UnB/UFG, Mestre em Educação, Professora-adjunta do curso de Psicologia da Pontifícia Universidade Católica de Goiás (PUC).

4 – CL : Quais são os comportamentos que se pretende evitar?

Dra. Virginia Suassuna:

– O curso irá identificar comportamentos proativos dos pais que provavelmenne evitarão, birras, chantagens, baixa estima, entre outros!

5 – CL: Existe diferença entre ouvir e escutar?

Dra. Virginia Suassuna:

– Essa diferença será detalhada no decorrer do curso, uma vez que, será enfatizado que: escutar nos remete a escutar o significado do que é dito! Vai além do ouvir sensorial e mecânico, que preconceituosamente gera conflitos. O curso pretende ajudar pais e crianças a lidar com seus sentimentos, identificando-os e expressando-os de forma saudável e incentiva.

6 – CL: Pode adianta algumas das dicas que você dará no curso?

Dra. Virginia Suassuna:

– Em vez de ouvir parcialmente… escute com atenção. Em vez de conselhos … reconheça os sentimentos da criança. Em vez de negar sentimentos… nomear os sentimentos. Em vez de explicações e lógicas… satisfaça os desejos da criança no nível da fantasia.

 

Informacões:

Público Alvo: Pais, educadores e profissionais da área de saúde.

Dia: 30 de Janeiro 2016

Local: Cranbrook Community Centre, Cranbrook Estate, Mace Street, E2 0RB

Estacão: Bethnal Green

Horario: 09:30 – 13:30 (intervalo para almoço) 14:00 – 17:00

Valor: £20.00

Formação profissional:

Fundadora, professora e supervisora do Instituto de Treinamento e Pesquisa em Gestalt-terapia de Goiânia. Participou de Cursos avançados em Gestalt-terapia pelo Gestalt Therapy Institute of Los Angeles, em San Diego e no Canadá. Gestalt-terapeuta de crianças, adolescentes, adulto, casal e grupo. Autora de artigos, capítulo de livro e do verbete no Dicionário de Gestalt-terapia ( Summus, 2007). Pesquisadora do CNPq. Ministra cursos para casais e familia.

Ver currículo Lattes.