hampstead
bairro no norte de londres

Hampstead é um bairro com cara de vila.

Conhecer essa região londrina é um belo programa. Tanto para o turista como quem mora na capital londrina. É um passeio vale muito a pena, por diversas razões. Algumas delas, você vai descobrir na companhia da brasileira Thaís Lima, no vídeo acima. Thaís mora na cidade há mais de uma década e conhece bem esta região da cidade. Ela também mantém o blog Thais em Londres, com dicas para quem quer saber mais sobre a cidade pela qual é apaixonada.

hampstead

Descubra mais:

Parkland Walk, uma trilha que já foi trilho

Hampstead – cara de vila, mas para poucos

Embora tenha uma cara de vila interiorana, morar ali custa muito. Hampstead é um dos mais exclusivos bairros londrinos. É um lugar para quem pode pagar o preço de casas milionárias. A Church Row é bela pelas suas casas e suas árvores. Para mostrar este lugar tão especial, a nossa guia escolheu uma rua que tem beleza e história ao mesmo tempo.

É uma rua que sobreviveu intacta às dezenas de bombardeios que a área sofreu durante a Segunda Grande Guerra. A curiosidade fica por conta das “fanlight”, semicírculos acima das portas, que eram usados para identificar as casas, antes da criação do sistema de numeração.

thais lima em hampstead

Thais Lima

A igreja do criador de Drácula

Andando em direção ao final da Church Row, Thaís leva você até a St John-at-Hampstead. É uma igreja do século XIV, mas duas de suas principais atrações estão no cemitério, na lateral da igreja. O que se diz é que Bram Stoker, o criador do Drácula, ia até lá para buscar inspiração para escrever suas cenas mais macabras.

Ali também está enterrado John Constable, pintor do século XIX, que viveu e morreu ali. Além de contar uma bela curiosidade a respeito de Constable mais tarde, Thaís mostra a casa onde ele morou.

casa em hampstead

No lado oposto à igreja, uma rua estreita e charmosa, a Holly Walk, é um convite para a continuação do nosso passeio. Do lado direito, fica a continuação do cemitério. Uma vez que esta é uma área habitada por muitos artistas, muitos dos habitantes do cemitério são pintores, atores, atrizes, cantores e cantoras famosas. Isso confirma que, para quem curte conhecer vida de celebridades, este é, sem dúvida, um desses lugares para passear em Londres.

igreja st mary em hampstead

Depois das igrejas, o pub

Na mesma Holly Walk fica a histórica e diferente St Mary Church. Histórica porque foi a primeira igreja católica construída no bairro, depois da reforma anglicana. Diferente porque, com as suas cores azul e branca, ela lembra mais uma dessas igrejas que a gente vê no interior do Brasil. É uma igreja que, como Thais conta, está muito ligada à comunidade francesa.

holly bush

Na reta final dessa volta por este charmoso quarteirão de Hampstead, vamos em direção ao Holly Mount. É uma subida leve e que vale a pena fazer. A primeira parada é para ver e saber mais sobre o Holly Bush, um dos pubs mais tradicionais do bairro.

Vale a pena até para quem não é de frequentar pub. A razão é simples: o Holly Bush é lindo. A sua frente é digna de um cartão postal. No final da rua, um pequeno segredo: uma vista maravilhosa do centro de Londres e uma constatação: visitar esta parte do norte da cidade na companhia de quem conhece é outro passeio.

A sua opinião é muito bem-vinda. Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of

receba nossa newsletter
somos uma tv online
feita por brasileiros
em Londres e estamos
construindo um arquivo
inédito sobre a diáspora
brasileira na Europa.

info@canallondres.tv