canal londres tv online logo

siga-nos no facebook >

desvarios de um presidente
destaque do vídeo 31

Não poderia ser diferente: como se isso ainda fora possível, o atual presidente do Brasil ultrapassou todos limites do tolerável na função que lhe cabe. Se o fato por si só já seria grave e motivo para afastamento em qualquer democracia que se preze, a participação dele em um evento pedindo a volta da ditadura militar não poderia ter ocorrido em momento mais sensível ao país.

Em tempos de crise, o que um país mais precisa é de um líder. É nessas horas que se descobre se temos um mero ocupante de um cargo ou um estadista, capaz de superar diferenças partidárias e ideológicas e liderar o país. E líder é o que o Brasil menos tem neste momento. O ocupante da cadeira não faz nem ideia do significado da palavra estadista.

Renata Sucupira

Renata Sucupira

Todos os outros vídeos da série, aqui.

Indignação, flores, parque, trabalho

Essa indignação com o que ocorreu no domingo, ganhou Renata Sucupira como porta-voz, logo na abertura do nosso vídeo 31.  Para ela, dormir com a imagem dos cartazes pedindo volta do AI5, fechamento do Congresso e do Supremo Tribunal Federal foi como dormir com fantasmas que pareciam enterrados.

capa New York Times

Por conta do fuso-horário, eu fui dormir com notícia do que estava acontecendo no Brasil. Ao acordar, a primeira coisa que fiz, o que é hábito, foi circular pelas homepages dos principais jornais para ter mais informações e saber da repercussão fora do Brasil. E uma boa medida dessa repercussão é o fato de que a participação do presidente ganhou o topo da homepage de um dos principais jornais do mundo: o The New York Times.

alencar

Maria Porto e Alexandre Alencar

Alexandre Alencar, que já havia deixado o seu protesto em nosso programa 30, começou o dia com um gesto de carinho para com a filha, Maria Porto. Com muito trabalho diretamente do seu home office, coube ao pai levar um bom cafezinho para a mesa da filha. Pai também é para essas coisas.

Monica

Mônica Luíza

Quem também deu o ar da graça foi a nossa querida Mônica Luíza, que tem hospedado Amaro Filho durante esta quarentena. Ele que tanto gosta de trabalhar na cozinha, dessa vez, cedeu a cadeira para que Mônica pudesse preparar material para enviar aos seus alunos. Uma forma de mantê-los ativos durante este período de isolamento social.

flores

Como num passe de mágica, você vai como a beleza e delicadeza das flores pode mudar o humor de uma pessoa. Ao perceber que mais flores estão surgindo no jardim que ela vem cuidando desde que chegou à casa dos pais, em Londrina, Renata não conseguiu conter a emoção. Era tudo o que ela precisava.

caderno de amaro

Amaro Filho trouxe duas novidades: a primeira foi uma inovação na forma de filmar, mostrando apenas a sua sombra; em seguida, ele revela um método de trabalho que curte como forma de organizar melhor as ideias. Trata-se do uso do bom e velho caderno de anotações, com um lápis de grafite e uma boa borracha. Uma forma de trabalhar que acaba se transformando numa espécie de diário. O objeto de estudo é o ‘O Livro das Ocorrências’, de autoria de Lourenço da Fonseca, com o objetivo de buscar patrocínio para um projeto sobre Capiba, grande nome da música pernambucana.

peckham rye park

Eu também dei uma saidinha. Foi uma junção de exercício físico com uma missão: encontrar tomate. Foi uma bela caminhada, principalmente pelo fato das dimensões do parque permitir que se ande bem afastado dos outros frequentadores. A vasta área gramada permite que se caminhe tranquilo, sem se temer qualquer aproximação indesejada.

Alexandre Alencar

Alexandre Alencar

Depois da gentileza de levar o café até o quarto da filha, a principal tarefa de Alexandre Alencar foi tentar manter a rotina diária de trabalho. Segundo ele mesmo confessa, não tem sido fácil. A quarentena tem mexido com o metabolismo dele, especialmente em relação ao sono. Acostumado a acordar logo cedo, tem demorado mais na cama ultimamente.

flamenco

A participação de Renata neste trigésimo primeiro vídeo de ‘Um Dia de Cada Vez’ encerra-se com Flamenco. Só que dessa vez, você não terá o privilégio de vê-la ensaiando, mas numa conversa online com a maestra do estúdio de flamenco e outras colegas. A razão do encontro era discutir as respostas para questões que as alunas haviam previamente recebido.

coop

Uma das razões que me levaram à uma das lojas da Coop, foi mostrar como eles têm cuidado da segurança dos cliente e dos funcionários. Logo na entrada estava super tranquilo, então, não tive que esperar. No interior da loja, há marcas no piso indicando a distância que os clientes devem ficar um do outro. E os funcionários que trabalham nos caixas, além de máscara e luvas, ganharam uma barreira transparente que os separa dos clientes. Você entra e volta pra casa com um sentimento de segurança. E ainda produzi uma imagem onde parece que eu estou seguindo a própria sombra.

 

A sua opinião é muito bem-vinda. Deixe um comentário

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

receba nossa newsletter
somos uma tv online
feita por brasileiros
em Londres e estamos
construindo um arquivo
inédito sobre a diáspora
brasileira na Europa.

info@canallondres.tv
0
Would love your thoughts, please comment.x