dois meses de resistência
60 dias

Chegamos a mais um marco neste histórico momento que todos estamos vivendo: 60 dias, dois meses, de ‘Um Dia de Cada Vez‘. É uma longa jornada, principalmente se considerarmos que os dias parecem que os últimos 60 dias passaram mais lentamente. Quantas vezes não tivemos a sensação de que os segundos passam como minutos, e estes c feito horas?

Veja os outros vídeos da série

Mas o importante é que chegamos e continuamos a caminhada. E começamos o vídeo 60 com uma reflexão em torno dos 60 dias, feita por Amaro Filho. Ao longo do vídeo, você vai ouvir a leitura do texto onde resume o sentimento desse tempo único, de pandemia, de agonia, de solidão, mas também de alegria, companheirismo e solidariedade.

Renata

Renata Sucupira

Logo passamos para Londrina, onde os 60 dias também levam Renata Sucupira a pensar no que deixou para trás, desde que decidiu passar a quarentena na companhia dos pais, em Londrina. São aspectos práticos que levam a pensar em tomada de decisões, como o que fazer com um apartamento fechado Em São Paulo, que ela continua pagando aluguel. Ao mesmo tempo, há pessoas a quem ela paga por trabalho de diarista e que precisam ter fonte de renda neste momento.

Alexandre Alencar

Alexandre Alencar

Alexandre Alencar vem com um destaque especial: uma rápida análise de um dos pontos da entrevista que Felipe Melo, conhecido pelos milhões de seguidores que tem no Youtube, deu ao Roda Viva. O ponto destacado por Alexandre se refere aos limites da chamada liberdade de expressão. Em resumo: a liberdade de expressão acaba no momento em que ela é usada para agredir, discriminar, anular, matar aqueles que pensam e/ou são diferentes da gente.

vista

Mônica Feijó começou o dia dela na janela do apartamento em Recife. Olhando o dia passar lá fora, ela pensa em quanto aumentou o movimento de pessoas e carros na rua, mesmo considerando-se que Recife tem um grande número de pessoas contaminadas pelo Covid-19. entre estas pessoas, como ela relata, se encontra o atual governador de Pernambuco, Paulo Câmara. Mais tarde, Mônica traria um pouco de música e reflexões que escrevia em um caderno.

carol ann duffy

Em Londres, eu, Silvino, decidi que o meu dia 60 seria dedicado à poesia. Dia é exagero, mas aproveitei uma parte da manhã para ler alguns poemas de Carol Ann Duffy, um dos grandes nomes da poesia inglesa contemporânea. Carol Ann Duffy foi a primeira mulher a ganhar uma honraria concedida pela(o) monarca de plantão, a cada 10 anos, por indicação do Primeiro Ministro: Poet Laureate.

A tradição nasceu no século XVII e tem muito significado dentro do panorama poético no Reino Unido. Considerando-se o ambiente conservador e tradicional em que essa honraria é concedida, significa muito que Carol Ann Duff tenha sido agraciada não apenas como primeira mulher, mas como uma pessoa assumidamente lésbica.

china

O dia 60 de ‘Um Dia de Cada Vez’ trouxe mais razões para que Renata ficasse preocupada com os pais. Os dois resolveram viajar à cidade de Maringá para reuniões de negócios. Uma vez que ela tem entrado em atrito pelo relaxamento que o pai tem demostrando em relação ao confinamento, este é um comportamento diante do qual ela se sente impotente, mesmo querendo ajudar. Pelo menos ela teve momentos de boas lembranças revendo fotos de uma viagem que fez à China.

virtual

Eu havia mencionado que escolhera dois livros para ler e, perdoe-me o marketing pessoal, o segundo livro foi ‘Virtual‘, escrito por mim mesmo… rs! Sim, de vez em quando gosto de voltar para o que eu mesmo escrevi. É um bom exercício de reflexão, mas também porque, com o passar do tempo, cada leitura tem um olhar mais crítico. Pela primeira vez, desde que começamos a série, li um dos poemas do livro.

terça

Por falar em poesia, registramos que Charles Baudelaire, um dos grandes nomes da poesia francesa e universal, foi o tema da terça literária, grupo do qual a Renata faz parte. Um encontro virtual em torno de poesia e literatura, que acontece semanalmente, desde o início dessa quarentena. Sem esquecer o momento de beleza poética vivido por Maria Porto e a cachorrinha Vitamina, E fechamos esse dia tão especial com uma declaração poética de Alexandre Alencar.

 

 

 

A sua opinião é muito bem-vinda. Deixe um comentário

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

receba nossa newsletter
somos uma tv online
feita por brasileiros
em Londres e estamos
construindo um arquivo
inédito sobre a diáspora
brasileira na Europa.

info@canallondres.tv
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x