eltham palace and gardens
do estilo medieval à arte déco

Eltham Palace, uma casa com estilo e história.

Visitar este palácio no bairro de mesmo nome no sudoeste de Londres é passar por séculos de história. Até chegar ao que é hoje, o Eltham Palace passou pelo auge, conheceu o declínio e o ressurgimento. Os primeiros registros do palácio, como residência real estão datados no século XIV. Mas já há referências à casa desde o século XI.

Eltham Palace

Silvino Ferreira Jr

Descubra mais:

Exemplos da arquitetura georgiana em Londres

História do Eltham Palace e seus jardins

Um registro de 1086 revela a existência da Mansão de Eltham, pertencente a Odo, Bispo de Bayeux e meio-irmão de Guilherme, O Conquistador. A propriedade mudou de mãos muitas vezes, até ser adquirida por Anthony Bek, Bispo de Durham, que reformou a mansão, em 1295. No início do século seguinte, a casa foi apresentada ao futuro rei da Inglaterra, Edward II. É a partir de então que ela passa a ser frequentada por monarcas e membros da família real.

jardins do eltham palace

Jardins do Eltham Palace

Mais tarde, o próprio Edward II compraria a mansão, como presente para a sua esposa, a rainha Isabella. É a partir de então que as reformas promovidas começam a transformar a mansão em palácio. Um dos filhos do casal, John nasceu na casa e ficou conhecido como John of Eltham. Até o final do século o local foi se se tornaria em um dos mais frequentados por membros da realeza. Festas eram frequentes.

Eltham Palace

Logo que se chega ao Eltham Palace é impossível não se impressionar com a beleza dos seus jardins. Embora fique tão próximo de áreas urbanas, a impressão é a de que você saiu de Londres. Essa área verde foi uma das razões do interesse da realeza pela região. Era perfeita para uma das principais atividades de lazer da época: a caça.

Eltham Palace

Palácio dos Tudor

Durante um século, a Inglaterra foi governada por membros da Dinastia Tudor. Neste período, o Palácio de Eltham conhece o apogeu, como um exemplo de construção medieval com o estilo Tudor. Mas foi ainda neste período que o palácio começou a lonfa fase de declínio. Henrique VIII adquiriu o Palácio de Hampton Court e, gradativamente, foi abandonando Eltham. Uma das principais razões era a localização do Hampton Court Palace, às margens do Tâmisa, o que facilitava os deslocamentos do rei e sua comitiva.

Eltham Palace Main Hall

O longo declínio

No século VII, o Eltham Palace já era uma casa completamente abandonada. O último rei a pisar ali foi Charles I. Aos poucos a propriedade passaria a ser usada como fazenda. Ao redor, foram surgindo outras casas. Só em 1933, o Eltham Palace retomaria o caminho de volta aos tempos de glória, mas como um exemplo de arquitetura Déco.

Eltham Palace

A transformação para o estilo Déco

O ressurgimento do palácio deve-se a um excêntrico casal de milionários: Stephen e Virginia Courtauld. Eles queriam adquirir uma propriedade rural, mas com fácil acesso a Londres. Eltham cativou a atenção dos Courtaulds e eles compraram o palácio. Eles contrataram dois arquitetos iniciantes, John Seely e Paul Paget, que transformaram o estilo Tudor Medieval em um magnífico exemplo da arquitetura Déco.

Eltham Palace Escada

Não foi fácil obter a permissão para as mudanças propostas pelos arquitetos, mas, depois de muita controvérsia, chegou-se a um consenso. O exterior foi projetado com o estilo Tudor do Grande Hall, que se manteve o estilo original. Para tanto, John Seely e Paul Paget usaram o Palácio de Hampton como inspiração. Por outro lado, eles dotaram a casa de todas facilidades que as novas tecnologias ofereciam. Um exemplo são as lareiras elétricas da casa.

Grande Hall Eltham Palace

Grande Hall – Eltham Palace

Uma vez que a casa foi concebida pensando na grande coleção de arte do casal Courtauld, visitar o Eltham Palace dá a sensação de que você está numa galeria de arte. Por isso, você deve dedicar parte da sua visita aos quadros, fotografias e objetos de arte espalhados por todo o palácio. Por outro lado, você não deve deixar de visitar o subsolo. Ele conta parte da história do palácio durante a Segunda Grande Guerra, quando serviu de abrigo conta bombardeios.

Sub-solo do Eltham Palace

Sub-solo do Eltham Palace

Se você curte história, arte, arquitetura, natureza, já tem motivos de sobra para visitar este lugar, que tem fácil acesso do centro de Londres. Mas uma razão que você pode acrescentar para conhecer este palácio é que ele é único. Ah, e está fora do circuito mais tradicional dos turistas que visitam a capital da Inglaterra. Acesse o site e programe a sua visita. Você não vai se arrepender, como prova o vídeo acima, do seu canal de tv online.

 

 

A sua opinião é muito bem-vinda. Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of

receba nossa newsletter
somos uma tv online
feita por brasileiros
em Londres e estamos
construindo um arquivo
inédito sobre a diáspora
brasileira na Europa.

info@canallondres.tv