siga-nos no facebook >

canallondres

melhores parques de londres
hyde park

Dia de sol, você está sem dinheiro ou não quer gastar muito, o que fazer? Um passeio por Hyde Park, um dos melhores parques de Londres deveria estar sempre no topo das suas opções. Pelo menos para o londrino. Basta ver como os parques da cidade ficam em dias de calor e céu azul. Uma verdadeira praia. Entre as opções de lazer gratuíto que a cidade oferece, ir passear no parque é top na lista dos ingleses. E belos parques é o que não falta: Regent’s Park, Greenwich, Richmond, por exemplo, fazem companhia ao Hyde entre os melhores e maiores da cidade. É sempre bom lembrar que você não paga para entrar em museus, mas esta é uma bela opção para deixar para dias mais nublados. Dia de sol é dia de parque. O grande questão, então, é: que parque escolher? Bem, se você ainda não conhece este lugar tão especial, aqui vão algumas boas razões para você fazer um passeio por um dos 8 parques reais londrinos.

Conhecendo e curtindo o Hyde Park

Serpentine Lake

Muita história pra contar

Há cerca de 900 anos atrás, a área que viria a se tornar em um dos grandes áreas de lazer de londrinos e turistas, era ocupada por algumas espécies de animais, como veados e porcos selvagens, por exemplo. Era terra de propriedade dos monges da Westminster Abbey, a igreja onde são realizados os casamentos da realeza britânica. Em 1536, o rei Henrique VII adquiriu a propriedade dos monges e transformou em uma área de lazer, especialmente dedicada à caça de veados.

Conhecendo e curtindo o Hyde Park

Hyde Park

Com a chegada de James I ao trono, o parque foi, pela primeira vez, aberto ao público, mas de maneira muito limitada. Só em 1637, por decisão de Charles I, o parque foi totalmente aberto à população. Uma curiosidade: em 1665, o ano da Grande Praga, muita gente se instalou no Hyde Park, acreditando que ali era um refúgio contra a epidemia que se alastrava.

conhecendo e curtindo o maior parque real de londres

Hyde Park

Caminho iluminado

Com a mudança da corte de William III para o Palácio de Kensington, no final do século XVII, que Hyde Park ganhou um novo impulso. Uma vez que ele achava perigoso andar do palácio até o parque, mandou instalar um caminho iluminado por lamparinas a óleo. Foi o primeiro caminho iluminado artificialmente no país. Até chegar ao que é hoje, outros monarcas e membros da realeza, a exemplo da Rainha Caroline, esposa de George II, promoveram mudanças e inovações que transformaram os 350 acres de área, onde o parque está localizado, em uma das áreas mais belas e atrativas da cidade.

Conhecendo e curtindo o Hyde Park

Hyde Park

Principais atrações do Hyde Park

Tem muita coisa para ver neste grande parque de Londres. Para o turista, o Speaker’s Corner é uma atração à parte. Conhecido como o lugar mais democrático do Reino Unido e um símbolo da liberdade de expressão, vale a pena passar por lá, sempre aos domingos, para ver e ouvir discursos sobre os mais variados temas: religiosos, políticos, auto-promocionais. A regra é simples: um banquinho com palanque e soltar o verbo. Tem coisa séria e tem coisa cômica.

conhecendo e curtindo o maior parque real de londres

Outro lugar que o visitante não pode deixar de visitar é o Lago Serpentine, criado em 1730, pela Rainha Caroline. Além da beleza natural e as aves que dão um toque de encantamento, você pode fazer passeios de barco e pedalinho. Um excelente programa romântico para casais apaixonados. Correr também é uma atividade que dá prazer com a vista desse lago muito especial.

Conhecendo e curtindo o Hyde Park

Hyde Park

Você também não pode deixar fora do seu roteiro as diversas fontes e memoriais espalhados pelo parque. Em especial, destaca-se o Memorial Princesa Diana, uma bela fonte dedicada à mais popular princesa dos britânicos em anos recentes. Há também o Memorial 7 de Julho, especialmente dedicado aos mortos nos ataques terroristas de 1995, que matou 52 pessoas.

Conhecendo e curtindo o Hyde Park

Bom para o corpo e para a mente

Você faz o tipo contemplativo, que prefere apreciar a paisagem e descansar a mente? O Hyde oferece inúmeros pontos onde você pode desfrutar momentos de descanso e paz. Pode ser à beira do lago, encostado em uma árvore mais distante ou em um dos inúmeros bancos espalhados pelo parque. Se você curte caminhar, pedalar, jogar futebol ou qualquer outro esporte, não poderia pedir melhor lugar. Mas a gente não pode deixar de destacar um dos programas favoritos dos ingleses: um piquenique no parque. Não se iniba: junte os amigos, estenda a toalha sobre a grama, arrume a mesa e divirta-se. Só não esqueça de deixar tudo como você encontrou.

conhecendo e curtindo o maior parque real de londres

Hyde Park

Palco de grandes eventos

Finalmente, uma dica muito especial: fique sempre atento à programação cultural. Esse lado do Hyde também contribui para que ele seja considerado um dos melhores parques de Londres. Ali são realizados grandes eventos ao ar livre. Grandes bandas como os Rolling Stones, já fizeram apresentações ao ar livre. Já pensou em descobrir que perdeu um grande evento ao ar livre simplesmente porque não ficou sabendo a tempo? Informe-se e divirta-se.

crece pelo