canal londres tv online logo

siga-nos no facebook >

mais um dia de rotina
e muito zoom – dia 64

Embora tenha sido criada em 2011, por Eric Yuan, a Zoom era conhecida por pouca gente, quando comparamos a outras outras plataformas concorrentes. A pandemia, no entanto, tornou a Zoom num fenômeno. Tanto que a marca já é um sinônimo do produto. Todo mundo já diz ‘fazer um zoom’ como ‘encontro virtual’. E não tem sido diferente com os participantes de ‘Um Dia de Cada Vez‘.

No dia 64, você vai ver que a Zoom é usada em 3 das quatro casas que fazem parte de ‘Um Dia de Cada Vez’. Em cada uma delas, por razões diferentes. Mas antes de chegar lá, você vai ver como o dia amanheceu com aquele frio gostoso em Londrina, e como Renata Sucupira decidiu aproveitá-lo.

Renata Sucupira

Renata Sucupira

Em Londres, eu, Silvino, acordei com saudade de um café da manhã que faz parte das minhas memórias de infância. Aproveitei uma batata doce gigante que tinha na geladeira, cozinhei para, depois de transformá-la numa espécie de purê, acrescentar leite. A saudade era tanta que a quantidade foi um exagero. Detalhe: não sobrou nada.

batata doce com leite

Amaro Filho foi o único que manteve uma linha só durante todo o vídeo: ele fez uma reflexão sobre o comportamento das pessoas nas redes sociais, em relação a quem apoia o atual governo brasileiro.

O ponto de partida é a observação de que mais e mais pessoas estão excluindo da lista de amigos os apoiadores de Bolsonaro. A prática, no entanto, não é novidade para Amaro, uma vez que ele já vinha fazendo isso desde a campanha eleitora, em 2018. No final, ele deixa uma mensagem de boas vindas aos que se arrependerem.

Amaro Filho

Amaro Filho

Na casa dos Alencar, o dia começa na cozinha. Enquanto Alexandre Alencar e a filha, Maria Porto, preparam os ingredientes para uma guacamole, Mônica Feijó faz a narrativa desse dia na vida da família. Um sábado que, como a gente vai ver mais tarde, também envolveu uma atividade extra, além das tarefas domésticas.

guacamole

E vamos ao Zoom? Começamos com Mônica Feijó que recebeu um convite muito especial: participar de uma leitura interpretada de um dos dos personagens do longa ‘O sol que congela a alma’, da roteirista e cineasta Andrea Cohen.

Você vai perceber que é preciso ser mais do que uma narradora quando o texto exige a incorporação do personagem e suas falas. Uma experiência que ela curtiu muito em ter participado.

Mônica Feijó

Mônica Feijó

Em Londrina, a noite no zoom foi de discussão sobre o filme japonês 7 Segundos. Nas palavras de Renata, um filme muito sensível. Mas uma das principais atrações foi o brinde oferecido pelo marido de uma das participantes do grupo: clarinetista, ele tocou a música ‘Acariciando’ composta por Abel Ferreira, no final do encontro.

quiz no zoom

E em Londres, a plataforma Zoom, mais uma vez, foi ponto encontro para um Quiz, que eu e Susan temos feito todos os sábados com mais 3 casais amigos. É interessante que, à medida que o tempo passa, a gente vai aprendendo a usar melhor essa ferramenta e os encontros ficam mais agradáveis. Esse, pelo menos para mim, foi o melhor de todos.

musica no zoom

E vamos, caminhando para fechar o nosso vídeo 64 com os movimentos de Renata, mais uma vez, nos presenteando com a sua dança, e o som tão peculiar da chuva caindo na noite de Recife, em um dia que foi frio em Londrina e ensolarado em Londres, onde o verão dá sinais de que vai chegando.

 

 

A sua opinião é muito bem-vinda. Deixe um comentário

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

receba nossa newsletter
somos uma tv online
feita por brasileiros
em Londres e estamos
construindo um arquivo
inédito sobre a diáspora
brasileira na Europa.

info@canallondres.tv
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x