museu do design – londres

Durante muito tempo o Museu do Design de Londres esteve localizado às margens do do Tâmisa, bem próximo à Tower Bridge. Mas desde 2016 ele está em novo endereço, na High Street Kensington, uma das áreas mais valorizadas da cidade. Neste vídeo, Heloisa Righetto, que já havia mostrado a antiga sede do Design Museum aqui no Canal Londres, mostra como a mudança valeu a pena. O que talvez seja mais significativo é que, ao acompanhar Helô, você descobre  que foi mais que uma mudança de endereço e visual.

museu do design londres

Heloisa Righetto

Descubra mais:

Um visita ao museu que conta a história do design de interiores 

Design do Museu do Design

É claro que quando se fala em design o visual não é tudo. Design, como sempre mostra a Helô, vai bem além disso. Mas no caso da nova sede do Museu do Design de Londres, o novo visual é o que logo salta aos olhos. O responsável pela concepção do projeto, John Pawson, aproveitou um espaço já existente, uma construção dos anos 60, que ficou abandonado durante uma década, para criar um espaço único à altura do papel que ele se propõe a desempenhar neste terceiro milênio. Impossível não entrar e perceber que o design faz justiça ao museu.

museu do design londres

Heloisa Righetto

Espaço para o acervo permanente 

Uma das grandes novidades do Museu do Design é que o acervo permanente ganhou visibilidade. Sim, por absoluta falta de espaço, ele não era mostrado no antigo endereço. E a exemplo dos grandes museus londrinos, o acesso ao acervo permanente é inteiramente grátis. Ao mesmo tempo, grandes exposições e eventos ligados ao design continuarão acontecendo.

heloisa righetto no museu do design

Heloisa Righetto

Designer, Maker,  User

Uma dica básica para você aproveitar bem a sua visita é entender 3 palavrinhas que ficam na entrada do espaço reservado exposição permanente: designer, maker e user. São 3 componentes que tornam possível o design. O criador, o fazedor e o usuário, mais que complementares são interdependentes. Um não existe sem o outro. À medida em que você vai se familiarizando com o espaço esta concepção ganha mais e mais sentido.

museu do design

No museu e na vida

Entender o conceito que define a exposição permanente também é importante para se quebrar alguns preconceitos em relação ao design. Helô resume isso muito bem ao relacionar design ao dia-a-dia de qualquer pessoa. Do momento em que acorda ao momento em que vai dormir, o design está presente no seu dia-a-dia. Por isso que vale a pena você tirar algumas horas do seu tempo para visitar o Museu do Design de Londres: é uma aula que vai além da teoria, porque você percebe ali o quanto esta é uma atividade essencial à nossa existência.

museu do design londres

Planeje a sua visita

Assim como a visita ao museu, o nosso vídeo acima é um passeio inteiramente grátis. Mas ele é apenas um aperitivo para você entender porque o Design Museum merece um lugar na sua agenda. Aqui, vão as dicas completas para você chegar lá. Endereço: 224-238 Kensington High Street London, W8 6AG. As seguintes estações de metrô vão deixá-lo bem perto: Kensington High StreetEarl’s Court e Holland Park e mais a estação  do overground de Kensington/Olympia. O museu abre diariamente (com exceção dos dias 25 e 26 de dezembro) às 10h e fecha às 18h, mas a entrada só é permitida até às 17h. Para mais informações, é só acessar o site do museu.