parques para se
caminhar em londres
st james park

São muitos os lugares e parques para se caminhar em Londres. O St James Park é um deles. É, ao mesmo tempo, um dos 8 parques londrinos denominados como Royal Parks. Se uma caminhada ali já é algo muito especial, imagine na companhia de uma pessoa apaixonada pela natureza e que conhece muito bem a historia e os caminhos de St James Park.

Nadia Kerecuk, brasileira, tradutora e interprete na embaixada do Brasil em Londres, aceitou o nosso convite para um passeio por St James, uma atividade que ela pratica com certa frequência.

Nadia Kerecuk

Nadia Kerecuk

Descubra mais:

Um museu dedicado à história da jardinagem, em Londres

Para quem a conhece apenas do dia a dia na embaixada, vai surpreender-se: mais que apreciadora, Nadia é uma estudiosa da natureza. Isso, aliado à paixão que ela demonstra sobre o tema, transformou a caminhada em algo mais que especial.

Flores em St James

De Jardim do Palácio a espaço público dos londrinos

No passado, St James Park era uma espécie de jardim do Palácio de St James, que foi residência oficial da monarquia, até a mudança para o Palácio de Buckingham, durante o reinado da Rainha Victoria. Antes de se tornar um parque real, por iniciativa de Henrique VIII, foi um lugar onde se praticava a caça.

St James Park

Ao acompanhar os passos, neste passeio com Nadia, você ai descobrindo como aproveitar o máximo o seu passeio, em um dos melhores parques para uma boa caminhada, em Londres. Aqui e ali uma observação de quem está atenta aos detalhes. Quem curte jardinagem sabe o quanto a atenção ao detalhe faz a diferença. Um exemplo, alguns espaços dos canteiros são reservados às plantas e flores nativas. Assim como o contrário: se deparar com plantas típicas de regiões tropicais, como a bananeira.

Bananeira St James

Em um país onde as estações do ano são bem definidas, observar as passagens das estações a partir das mudança em um parque como o St James é um presente da natureza. Como identificar, por exemplo, que a primavera está chegando? Basta perceber o surgimento das Daffodils, conhecidas como Narcisos, em português.

casa do jardineiro

Outra curiosidade que pode passar despercebida até de frequentadores habituais dos parques ingleses é a casa do caseiro. Em nosso passeio, Nadia tira um tempinho para mostrar o quanto ela é parte integrante do modo inglês de cuidar dos seus parques. Não é apenas uma casa. Em torno dela, o jardineiro cria um cenário onde cabem jardins, canteiros de hortaliças, árvores, animais. A casa do jardineiro é parte da paisagem sem dela destoar.

Lago St James

Por último, vale a pena deixar uma observação que parece óbvia: os parques, como espaço público, fazem parte da educação das crianças inglesas. Ali, se aprende a conhecer e a respeitar a importância que plantas e animas. Também são espaços de interação entre os seus frequentadores. Em um país, como o Brasil, onde a população tem aberto mão do espaço por público por conta da violência, os parques ingleses podem ser fonte de inspiração. E, para quem mora na cidade, uma boa dica de como aproveitar um dos mais belos parques para se caminhar em Londres.

A sua opinião é muito bem-vinda. Deixe um comentário

receba nossa newsletter
somos uma tv online
feita por brasileiros
em Londres e estamos
construindo um arquivo
inédito sobre a diáspora
brasileira na Europa.

info@canallondres.tv