temple e a igreja dos templários em londres

um passeio no tempo

A Temple Church, a igreja dos templários em Londres, está na origem de Temple, região na City of London. É também o ponto alto de um passeio que vai fazer viajar por mais de 800 anos de história. No caso do nosso vídeo, em pouco mais de 6 minutos, Thais Lima, do blog Thais em Londres, a nossa convidada para apresentar este vídeo muito especial, vai adiantar alguns dos pontos altos desse passeio.

london eye vista de temple

Descubra mais:

Uma passeio por um lugar pouco conhecido pelos turistas em Londres: St Katharine Docks

A vista privilegiada de Temple

Logo que você sai da estação de metrô de Temple, já tem uma ideia do quanto este pedaço da cidade é especial. Situada na margem norte do Tâmisa, você já tem a vista alguns dos principais cartões postais da cidadeLondon Eye, Big Ben e o Palácio de Westminster. Olhando para o lado oposto, destaca-se o The Shard e o Walkie Talkie, prédio onde fica o Sky Gardens. Bem ao lado da estação também fica a imponente Somerset House. Dá pra ficar um bom tempo ali apreciando a vista, mas o melhor está por vir.

temple em londres

Thaís Lima

O jardim cenário de Shakespeare

A porta de entrada para o passeio pelo interior da região de Temple é por um lugar muito especial. O Temple Garden Chambers, é cercado por prédios onde funcionam escritórios de advocacias. Esta é uma das marcas da região, cujas origens você vai descobrindo à medida em que anda na companhia de Thaís. Mas o jardim também é especial por ter sido cenário de um dos momentos cruciais na peça Henrique VI, de William Shakespeare.

rosas no temple garden chambers

A Guerra da Rosas é um dos grandes acontecimentos na história da Inglaterra. Duas famílias: os York e os Lancaster (ou Lancastre), durante 30 anos, lutaram pelo domínio do país. Foram lutas intermitentes que atravessaram 3 reinados: Henrique VI, Eduardo IV e Ricardo III. Este último foi derrotado por um membro da Casa Lancaster, Henrique Tudor. O final da guerra deu origem à dinastia Tudor, cujo símbolo é uma rosa que junta as cores que representavam as duas famílias em guerra: o branco e o vermelho. Na peça de Shakespeare, é no Temple Garden Chambers que a escolha para lutar por um dos lados é realizada. Ela é feita através da escolha das rosas: vermelhos para os que vão lutar pelos Lancaster, branco para os que vão lutar pelos York.

temple

Um lugar cheio de cantos e recantos

Além do Temple Garden Chambers, a região é cheia de pequenos refúgios. São praças, onde não há acesso para carros, que formam pequenos oásis para quem trabalha ou esta passeando por ali. Em nossa caminhada, Thaís passa por dois desse lugares. No segundo, é a praça onde o Middle Temple Hall. Ali é possível notar a presença forte da rosa vermelha e branca que simboliza a dinastia dos Tudors. A casa não é aberta ao público, mas vale a pena gastar parte do seu tempo por ali.

corte de justiça da inglaterra

A Corte de Justiça

Lembra que dissemos que Temple era uma região muito associada ao Direito, com muitos escritórios de advocacia? Pois bem, chegou a hora de entender o porquê. Em Temple fica o prédio da Royal Courts of Justice. Localizada na famosa Fleet Street, o prédio abriga as Suprema Corte e a Corte de Apelação da Inglaterra e País de Gales. É um prédio imponente, que faz justiça aos grandes casos que ali são julgados. É, como destaca Thaís, aberto ao público.

temple church

Temple Church – A Igreja dos Templários em Londres

Chegou a hora do ponto alto e final do nosso passeio. Visitar a Temple Church é voltar às origens dessa parte de Londres. Construída para ser a Igreja dos Templários em Londres, muitos acontecimentos importantes na história da Inglaterra passaram pela Temple Church.

interior da temple church

Para entender a importância da Temple Church é fundamental saber um pouco sobre os seus fundadores. A Ordem do Cavaleiros Templários, foi fundada na Idade Média, durante as cruzadas, as guerras entre cristão e muçulmanos, que culminou com a vitória dos cristãos ao retomarem o controle de Jerusalém. Esta conquista deu origem às peregrinações à “Terra Santa”. Eram viagens longa e perigosas e os cavaleiros templários ofereciam proteção aos peregrinos.

temple church londres

Outro aspecto interessante é que eles estão ligados à criação de um sistema que está na origem dos bancos. Uma vez que era muito perigoso viajar levando altas quantias, os templários criaram um sistema de carta de crédito. O viajante deixava os bens sob os cuidados da Ordem dos Templários na Temple Church e recebiam uma carta de crédito no valor da quantia depositada. Ao chegar em Jerusalém, era só apresentar a carta aos templários locais e resgatar o valor correspondente.

escultura dos cavaleiros templários

O tempo passou, a Ordem dos Cavaleiros Templários desapareceu, mas para nossa sorte ainda eles deixaram um legado muito especial para a cidade: Temple e a Temple Church. A igreja, que hoje é parte das duas associações de advogados, as Middle e Inner Temple. Vale muito a pena visitar e você pode ter uma prévia em nosso vídeo acima, com Thaís Lima. Bom passeio no Temple.